Domingo, 21 de Outubro de 2007

férias - convite para jantar - II




havia sido uma noite muito divertida e bem disposta

as duas amigas já haviam ido embora

- agora és só meu

disse ela, pondo música



 

10º dia de viagem
ou... da arte de satisfazer um homem

 

 


apreciou-a pela enésima vez

tinha um ar feliz no rosto – que lhe dava brilho

o cabelo curto, à garçonette, acentuava-lhe a beleza do rosto

o vestido preto, de certeza, vestira-o para ele

estava realmente deslumbrante !

 

gostava daquela mulher !

do alto dos seus quarenta-e-tais

olhava o mundo e a vida com uma serenidade invejável

com uma alegria e uma jovialidade

que o surpreendiam com frequência

 

tinha um sorriso franco e um riso contagiante

ninguém a seu redor ficava triste ou sequer indiferente

deslizando suavemente ao som da música

sentou-se a seu lado, em silêncio

olhando-o nos olhos, sorrindo apenas…

 

por fim, disse

- tive saudades tuas… sabes?

 

mesmo que não fosse verdade

dito daquela forma… era docemente arrepiante !

mas... era verdade !

ele sabia que era… sentia-o !

beijou-a docemente

fez que “sim” com a cabeça

 

- vá... conta-me coisas… que tens feito ?

 

na verdade… estava mais virado para lhe “saltar em cima”

e até achava que ela também

mas… era a modos que um ritual


contou-lhe as aventuras e desventuras mais recentes

fê-la rir bastantes vezes

ficava feliz com o som límpido do seu riso

gostava dos olhos a semicerrar e do leve arrepanhar no nariz

davam-lhe uma expressão tão gaiata

 

- então e…. de meninas, como tens andado ?

perguntou ela com uma gargalhada

 

- olha agora !!!! deves mesmo esperar que fale nisso…

 respondeu ele divertido


ela acariciou-lhe uma perna de forma inequívoca

que lhe despertou um formigueiro imediato

- então… que tem de mal !?!

perguntou com aquele ar maroto.


- nada… não tem mal nenhum… eu é que não te conto…

pôs “ar de zangada”.


- e neste momento… só me interessa uma “menina”.

 pensou que ela ia dar uma gargalhada, mas não…

simplesmente sorriu e veio sobre ele… com suavidade

desapertar-lhe a camisa, acariciar-lhe o peito

beijou-o


 


touch of ivory
bill brauer

*


 

ele quis soerguer-se

mas a pressão da mão dela no peito demoveu-o

ouviu os sapatos dela caírem no tapete

os lábios sedosos chuparam-lhe um dos mamilos

estremeceu

depois o outro

estremeceu de novo

- hummm… que sensível que ele está !!!

disse ela com satisfação


por todo ele roçava-se já o corpo dela, com desejo

entalava o membro já erecto entre as pernas

acariciou as nádegas dela

o vestido macio por cima

aumentou-lhe o tesão por aquele corpo bem torneado

o “fio dental” por debaixo espicaçava-o mais ainda

quis destapar aquelas delícias – ela não deixou

 

puxou-se um pouco para cima

sentou-se sobre a verga aprisionada dentro das calças

ele podia sentir o calor que ela já trazia bem no meio das pernas

e suspirou entre o prazer e a impaciência

a mão dela, contudo, continuava a exigir que aguardasse

 

pegou na mão dele e levou-a à alça do vestido

ele fê-la deslizar para o lado numa carícia

e ela, naquele gesto tão feminino, retirou o braço

o vestido não descaiu

ele quis retirar a outra alça – ela não deixou

com ar coquete, puxou o decote um pouco para baixo

só até assomar uma nesga de auréola

qual nascer da lua no horizonte…

pegou-lhe de novo na outra mão

e tudo se repetiu com a outra alça, com a outra auréola

ele estava em brasa…

 

roçando-se mansamente na verga já fremente

que ansiava por invadi-la

puxou o vestido para baixo, devagar

até o belo par de mamas fugir da sua prisão

aí… já não o conseguiu conter

ele atirou-se de cara aos dois montes sedosos

e desvairado por aquele toque, aquele calor

saciou-se, saciando-a…

 

se é possível levar um par de mamas à exaustão… ele tentou-o

apetecia-lhe rasgar aquele vestido em farrapos

mas essas coisas são muito bonitas… nos filmes

tinha saudades daquele corpo…

- não tires… quero assim…

pediu num gemido, quando ele a tentou despir

 

no ritmo, mandou ela

via-se que o estava a saborear

segundo a segundo, centímetro a centímetro

mal conseguiu olhar para a expressão dela

que de tão entesoada... o levava quase a vir-se

todo o corpo dela fremia, palpitava, exigia as mãos dele

soergueu-se de novo, abraçou-a, beijou-a, acariciou-a, chupou-a…

ela totalmente esmagada contra a verga

que quase rebentava de tusa

tudo pulsando, gritando por liberdade

 

- estou doido por ti… quero-te toda…

rosnou ele

- leva-me…

gemeu ela


 


 

 

__________________________________________


 *

pintura de Bill Brauer

< da qual sou orgulhoso proprietário de uma litografia - lol >

biografia do artista

galeria e venda
espero que gostem


sinto-me: já saudoso novamente
música: You Are So Beautiful - (Joe Cocker)

publicado por sextrip às 09:58
link do post | comenta a Trip | adicionar aos escolhidos
11 comentários:
De sexy_hot a 21 de Outubro de 2007 às 12:43
Ai... quero mais...


De sextrip a 22 de Outubro de 2007 às 13:43
sorry...
este não tem "mais"... não há parte III.
(quer dizer... houve... mas, não vai haver... tu percebes)
beijos


De Someone Else a 21 de Outubro de 2007 às 15:50
gostei imenso deste relato... quase que dá para se partilhar do vosso prazer...



De sextrip a 22 de Outubro de 2007 às 13:46
isso também faz parte da ideia.
dar-vos... algo mais... quer dizer...
(lol, não posso dizer, a Maaf diz que é obsceno e eu não digo)

beijos


De Infiel a 22 de Outubro de 2007 às 00:34
uhmmmm

as pinturas vou ver ... mais tarde


De sextrip a 22 de Outubro de 2007 às 13:48
vê... acho que vale a pena, é um bom artista.

beijos


De Maaf a 22 de Outubro de 2007 às 15:17
Estou prestes a ter um orgasmo.


De sextrip a 22 de Outubro de 2007 às 16:06


De Maaf a 22 de Outubro de 2007 às 15:20
Um homem extremamente sensual, que sabe levar uma mulher ao 8.º Paraíso, que escreve muito bem, aparentemente tem um bom carro, e gosta de arte!!!!

Que raio de bicho és tu????????????


De sextrip a 22 de Outubro de 2007 às 16:04
« Um homem extremamente sensual...»
UFFF...


homo sexus viaticum


De ju a 6 de Novembro de 2007 às 10:40
Meu Deus!... Ler isto agora de manha... Ai ai.. Adorei ler o post.. É envolvente, sensual, excitante.. Da mesmo para sentir, saborear, acariciar o momento vivido..
Muito bom mesmo.. Pena não haver 3º parte..
Parabéns.
Beijos e.. continua..


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 37 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.tags

. todas as tags

.ESCOLHIDOS

. Alguma vez amaste uma mul...

. Trintonas e boas!

. Destinatário Ausente (Ree...

. O perfil masculino ideal ...

. Deixem as crianças em paz...

. raríssimas

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

SAPO Blogs

.subscrever feeds