Terça-feira, 25 de Março de 2008

érre éme (01)




tem um andar... estonteante...
que é o mesmo que ir a dizer...
olha-me bem para estas pernas
bem torneadas... tonificadas...

usa umas saias...
que são o mesmo que exclamar...
imagina só estas nádegas...
dá para perceber o fio dental ?...
e este triângulo... tão promissor... que faz à frente...
que achas ?...

põe umas blusas e uns top's...
que é o mesmo que nos garantir...
já não sou nenhuma nina, mas...
tenho tudo no sítio...
já viste bem este decote ?...
e de barriguinha, népia... já topaste ?

tudo nela é o mesmo que nos perguntar...
sou uma quarentinha toda boa, não sou ?!


e é !
mesmo !
além disso... é uma mulher bonita... simpática... muito agradável.
além disso... é boa pessoa.







a determinada altura da conversa, na placidez da esplanada, diz-me :
- os homens, também... ficam-se a mirar que parecem basbaques...
olho para ela e digo apenas :
- e...
- "e..." o quê ? - pergunta.
- e... acaba a frase.
- qual frase ?!...
- "os homens ficam-se a mirar que parecem uns basbaques" e... tu adoras isso !
(pôs-se a rir)
- ahhh... não é bem assim.
- está bem... já sei... não mostras os atributos... usas a moda com que mais te identificas e tal...
(mais risos)
- és um chato tu...
- não sou nada chato... tu é que te esqueces que já não tenho 30 anos...
- olha, olha... pfff... que queres dizer com isso ?
pouso e dobro o jornal que "fingia ler".
- quero dizer que... adoro que te vistas de maneira a mostrares que és boazona !...




além disso... é uma mulher vaidosa.

(bem... são-no todas...)






janeiro-2008
sinto-me: saudoso
música: Meravigliosa Creatura - (Gianna Nannini)

publicado por sextrip às 21:27
link do post | comenta a Trip | adicionar aos escolhidos
36 comentários:
De MissMe a 25 de Março de 2008 às 22:38
Qual a maior arma que uma mulher consegue esgrimir?...
...
A sensualidade!...
...
É ou não?


De sextrip a 26 de Março de 2008 às 11:44
oh sim... claro que sim !...
e eu, como homem, só tenho a agradecer.


bom dia...
uma quarta feira repleta de sensualidade para ti...


De MissMe a 26 de Março de 2008 às 12:08
Eu acho que as mulheres nem sempre têm consciência da sua própria sensualidade e do poder que ela tem sobre os homens... e contra mim falo.

Boa sensualidade para ti também...
;)


De sextrip a 26 de Março de 2008 às 18:38
diria que a consciência que as mulheres têm da sua própria sensualidade, como em muitas outras coisas, está longe de ser um valor fixo... ainda que na maioria dos casos tudo aparenta que sempre contam com um qualquer predicado.
mas...
conheço desde mulheres muito atraentes que acham (sinceramente) que não são sensuais... até mulheres que assim muito se acham e que, no fundo, apenas se encenam muito.
contudo... este é o meu ponto de vista - outro gajo achará exactamente o contrário.
de forma que, neste aspecto, as mulheres levarão sempre a palma.

nesse contexto (para mim portanto) esta é uma mulher com uma sensualidade que lhe é muito natural... começando pela voz e pela dicção (sim, até nisso reparo...) e terminando no corpo fantástico (inerente à profissão que sempre teve) que ela bem sabe... hummm... realçar.

e vou acabar a, digamos, "apreciação" na resposta à Maaf...


De MissMe a 26 de Março de 2008 às 19:23
A consciência que as mulheres têm da sua própria sensualidade depende muito (também) dos homens em quem vão "tropeçando" ao longo da vida.
Os que as acham atraentes... fazem-nas mais crentes nesse facto.
A partir daí, umas são 100% crentes, outras darão um desconto... e encontrarão (ou não) um equilibrio proporcional à realidade. Por aí se encontram também as a que chamamos "convencidas".

Menino Sextrip, é tão raro encontar algo teu que consiga ou tenha vontade de contrariar (mesmo ligeiramente), que deixa-me aproveitar esta:
"conheço desde mulheres muito atraentes que acham (sinceramente) que não são sensuais"
Para mim, a sensualidade pouco tem a ver com a beleza. Há mulheres sensuais pouco bonitas (no imensamente subjectivo conceito de beleza) e vice-versa.
A sensualidade, para mim, tem mais a ver com a alma, com a segurança, com o saber das suas reais capacidades, com a personalidade, a voz, o sorriso, o olhar, os gestos, os movimentos. A beleza é apenas um acessório.

Beijos.


De sextrip a 26 de Março de 2008 às 19:43
bolas pá !!!! não posso ter um deslize !!!...

aquele "atraente" foi contextuado no que se estava a falar... que "atraiem" de per si...
acho que já disse (algures, por aí...) que uma das mulheres mais sensuais que conheço não é, pelos "padrões vigentes", uma mulher muito bonita.

confundir beleza com sensualidade é um erro muito comum.
mas... não meu, de certeza absoluta !


AHAHAHAH... boa noite.


De MissMe a 26 de Março de 2008 às 19:56
Boa noite!

Eu sei que não é o teu caso!
Mas se eu deixasse passar esta, tão cedo não iria voltar a ter uma oportunidade destas, não achas?!
Lol.
;)


De sextrip a 26 de Março de 2008 às 19:49
« A consciência que as mulheres têm da sua própria sensualidade depende muito (também) dos homens em quem vão "tropeçando" ao longo da vida.
Os que as acham atraentes... fazem-nas mais crentes nesse facto. »

como forma de comunicação do mais essencial que há... se não houvesse receptor seria natural que o emissor não evoluísse...



De MissMe a 26 de Março de 2008 às 19:58
E a opinião do sexo oposto conta sobremaneira para a nossa autoestima, não é?
:)


De Maaf a 26 de Março de 2008 às 14:43
Quarenta anos??? Está com um aspecto que não tive nem aos 19 anos!!!!


Mas, pronto... tu mereces!


De sextrip a 26 de Março de 2008 às 18:51
se é ela na foto... não confirmo nem desminto... na mesma senda que, desde o início, norteia a ilustração deste blogue.


digo o seguinte:
das pessoas que conheço (entre homens e mulheres)... algumas não aparentam (em absoluto) a idade que têm.
desses casos... esta mulher é o máximo mesmo !
tem 42 anos e tu dás-lhe menos 10... garanto-te.

e... tanto quanto sei... sem corantes nem conservantes.

creio que seja da sua própria natureza e do facto de ter uma profissão ligada ao exercício físico... o que, são logo dois argumentos de peso que a muitos de nós não "calhará".

depois, acho que... além de ser vaidosa... tem uma auto estima indestrutível.


De estreladosul a 27 de Março de 2008 às 02:20



Morais a parte das-me o endereço dessa Diva?
Para eu poder saber se tens razao ou nao. Eh eh eh
que desculpa tao esfarrapada, nao é?

Uma optima semana

Abraço amigo

Mario Rodrigues


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 19:34
comparada com outras "desculpas" que já recebi... é capaz de ser das menos "esfarrapadas", caro Mário !...



grato e igualmente... abraços


De ._. a 27 de Março de 2008 às 12:30
1-As mulheres dizerem que se vestem para agradar aos homens?Nem pensar. Ficam com nó na goela. LOLOLOL.Dizem smepre que é por outra razão. 2-É impressão ou tu só conheces mulheres boas?Não há celolites nem rugas?


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 19:48
-1-
sim... há mulheres com essas contradições.
sempre podem argumentar que não são elas que se exibem... que somos nós que "não podemos ver um rabo de saia".
faz parte da cartilha "relações homens/mulheres".

-2-
para mim... são "mulheres boas".
fico sempre com a ideia que não lêem todos os artigos que escrevo sobre mulheres e que... mesmo naqueles que lêem, só lêem em parte.

lê aqui, por exemplo:
http://sextrip.blogs.sapo.pt/18512.html


De tavguinu a 27 de Março de 2008 às 13:12
FINAL FANTÁSTICO !


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 19:49

abraços


De Miss Bradshaw a 27 de Março de 2008 às 16:17
loool tu és tramado! =P

mas sim......as mulheres usam os decotes ,as mini saias,as calças justeeeeerrimas....e dps nao kerem ouvir os piropos!!

MAS É PARA ISSO QUE ELAS OS USAM!!

nao venham com merdas de que é moda....sou gaja...a mim n enganam vcs LOL

=P****


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 20:05
ela chama-me "chato"... tu chamas-me "tramado"... okay...
(alguém quer chamar mais alguma coisa ???... disponham)


ela não é de dizer muito "dessas coisas", eheheh...
(ainda estou para aqui a dar uma imagem errada... pobre rapariga)
mas comigo fica logo "entalada"...


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 20:25
hummmm...
«comigo fica logo "entalada"...» é capaz de ser uma expressão fortemente dúbia.


De Miss Bradshaw a 29 de Março de 2008 às 20:15
LOOOOL

levas tudo pa cueca


De sextrip a 30 de Março de 2008 às 11:17
inevitavelmente !...

(inevitavelmente...)


De antiego a 27 de Março de 2008 às 16:52
Aos quarenta não está verde nem está podre.


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 20:04
uma maneira pouco ortodoxa de definir uma "madura"... mas okay !


De marta a 27 de Março de 2008 às 17:30
E qual a mulher que não gosta de ser mirada? :)


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 20:07
por homens... só se for as lésbicas empedernidas.
de resto... não conheço nenhuma.


De yyy a 27 de Março de 2008 às 18:47
Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d i o Ó D I O ó d


De sextrip a 27 de Março de 2008 às 20:08
desculpe... podia repetir ?...











(a arte minimalista não me diz nada mesmo !!!...)


De MissMe a 28 de Março de 2008 às 10:06
Pois eu adorei este quadro!
Se não fosse pela possibilidade (real) de te zangares comigo, até te dizia qual a sensação artistica e as emoções que ele me transmite...
Hehehe :)


De sextrip a 30 de Março de 2008 às 11:20
achas mesmo que há uma "possibilidade real" de me zangar contigo ?!?...
(...)

ainda assim... arrisco... fico muito interessado e curioso nessa "sensação artística" e nessas emoções !


De MissMe a 30 de Março de 2008 às 14:31
Já que arriscas, então vou arriscar a tal possibilidade (semi-real,ok) de que te zangues comigo...

Se há quem consiga fazer dissertações de 15 minutos sobre aqueles quadros negros da colecção Berardo, acho que consigo escrever meia dúzia de linhas sobre este, sim.

Então cá vai:

Uma tentativa, excelentemente bem conseguida, de nos transmitir um sentimento profundo numa sucessão de símbolos curvilíneos intercalados com outros em forma fálica e que nos transmitem a enraizada insatisfação do artista, em busca de algo inalcançável, num traço branco sobre fundo negro.
O excedente de circulos em relação ao falo, foi a forma magistral que o artista encontrou para nos transmitir o seu desejo e a sua mais dolorosa falta.
A repetição continua desses simbolos, cria uma sensação de ondulação descendente que pode ser considerada o declínio ou a queda da ilusão.
É um original, embora inspirado em elementos de inseguranças e bloqueios anteriores mal resolvidas, que tanto salientam a veia artistica e atestam a personalidade do seu autor.
Grande perícia no manuseamento das teclas, no genial efeito de falsa horizontalidade, existindo, no entanto, um elemento ligeiramente desfocado e fora de contexto, do qual só o artista reconhece o porquê e o local, o que lhe confere um valor acrescido e lhe merece o destaque de ser colocado em tão selecta e exigente galeria.
--------------------------------------------------------------
(Depois de reler o que escrevi, acho que se o Berardo me descobre, ainda me contrata!).
Foi um autentico elogio artístico, não foi?
--------------------------------------------------------------
Para ti, espero que seja...
Bom RRRRomingo!
;)


De sextrip a 30 de Março de 2008 às 11:28
ah e... (escusati...) BOM DOMINGOOOO...


De mary a 30 de Março de 2008 às 09:21
Não gostas não comas. Acho piada aos homens serem tão criticos. Vejam é como são e deixem-se de criticas ás mulheres. Voçês não se vestem para engatar queres ver? Se essa conversa tive-se sido comigo ficavas a xupar no dedo. rsrsrsrsrsrsrsrs


De sextrip a 30 de Março de 2008 às 11:24
- não aprecio mas... como !
- poderei achar a mesma piada e sugerir o mesmo às mulheres, mas... não o faço (por norma).
- vestimos, é verdade !... mas depois não ficamos incomodados com outros olhares - é uma questão de pertinência.
- pois... mas esta conversa nunca seria contigo !


De sextrip a 30 de Março de 2008 às 11:26
vocês... não leva "ç" (nunca mais aprendem...)

chupar... e não "xupa" (usa menos o telemóvel, sff)


De MissMe a 30 de Março de 2008 às 14:34
Esqueceste-te do "tive-se".

Ups, já fui!
:)


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 37 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.tags

. todas as tags

.ESCOLHIDOS

. Alguma vez amaste uma mul...

. Trintonas e boas!

. Destinatário Ausente (Ree...

. O perfil masculino ideal ...

. Deixem as crianças em paz...

. raríssimas

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

SAPO Blogs

.subscrever feeds